segunda-feira, 15 de julho de 2013

EDIVAL RAMOSA NA GALERIA NEW STYLE

JORNAL A TARDE, SALVADOR , SÁBADO, 07 DE DEZEMBRO DE 1974

           
Desenhos, colagens e esculturas formam a exposição que Edival Ramosa inaugurou recentemente na Galeria New Style. É a sua primeira exposição no Rio desde 1971. Vive e trabalha em Milão, Itália, desde 1966 cujo trabalho vem merecendo as melhores referências críticas na Europa. Utilizando elementos indianistas e sem lançar e manifesto antropológico, Ramosa faz-se um campeão do arsenal ritmico, mágico, cromático e místico da cultura afro-indianista de sua terra e de seu sangue apresentando numa aura que confere a este arsenal plena circulação universal.
O artista nasceu em São Gonçalo, Estado do Rio, em 1940. Sua exposição na New Style permanecerá até o dia 13 de dezembro.Esta obra pertence ao acervo da Pinacoteca do Estado de São Paulo e chama-se 
Emblema.

           BURLE MARX NO FOYER DO TEATRO CASTRO ALVES

O arquiteto, paisagista, joalheiro e cenógrafo Roberto Burle Marx, paulista de nascimento, está apresentando alguns trabalhos no foyer do Teatro Castro Alves a partir desta semana. Estudou pintura na Alemanha onde descobre nas estufas do Jardim Botânico de Dahlen a flora brasileira.
A pedido do arquiteto e urbanista brasileiro Lúcio Costa, realizou em 1933, seu primeiro jardim, desenvolvendo incessante trabalho artístico desde então. Burle Marx tem no homem o centro de sua obra e é defensor de grandes espaços, jardins como obra de arte onde o homem da era tecnológica possa entrar em contato com a natureza. É detentor de vários prêmios internacionais dentre eles o de Exposição Floralies Internationales de Paris em 1959 e membro Honorário do National Society of Interior Designers dos Estados Unidos além de ter realizado trabalhos para os mais diversos países da América Latina e Europa.

             ALUNOS DO EDGARD SANTOS 

Uma mostra didática de Artes Plásticas dos alunos das sétimas e oitavas séries do Centro Educacional Edgard Santos foi aberta em fins de novembro sob a direção da professora Celeste de Bandeira.
Esta professora vem realizando um trabalho profícuo visando desenvolver a criatividade adolescente dentro da nova didática de ensino fundamentada na Psicologia.
Este trabalho favorece ao mesmo tempo as reações espontâneas e agudez de percepção, contribuindo assim para a formação da personalidade.

             OUTRA COLETIVA REÚNE 13 ARTISTAS

Em prosseguimento às festividades do seu novo aniversário a Galeria Le Dome, inaugurou uma nova coletiva reunindo  cerca de uma centena de trabalhos de 13 artistas plásticos da Bahia. Além desta coletiva esta galeria está apresentando também uma exposição permanente dos grandes mestres baianos entre os quais Raymundo Aguiar, Raimundo Oliveira e outros.

                   TAPEÇARIA DE FRANCO GENTILI

 Franco Gentili está mostrando suas últimas criações de tapeçaria no Clube Bahiano de Tênis que são fruto de impacto que o artista sofreu e sentiu pela Bahia. Gentili mostra ambientes de cores e composições com plantas exóticas, agressivas. O catálogo das obras é composto de 29 trabalhos entre os quais destaco Hospitalidade, Sinfonia Vegetal e Tropicália.

                  NOVARTE EM FEIRA DE SANTANA

Os artistas Ângelo Roberto, Antônio Luiz, Edsoleda Santos, Hilda Oliveira, Jamison Pedra,Lia Viveiros, Mara, Márcia Dórea, Márcia Mascarenhas, Paulo Matos, Pedro Roberto, Reinaldo Rocha Gonzaga, Renato da Silveira, Renato Vianna, Riolan Coutinho e Vera Lima estão participando de uma coletiva no Clube de Campo Cajueiro, em Feira de Santana. São trabalhos de nível.Na foto uma obra recente de Jamison Padra chamada Vertentes.