sábado, 9 de março de 2013

HOTEL ESTÁ PROMOVENDO UM CONCURSO DE CARICATURAS - 15 DE DEZEMBRO DE 1986


JORNAL A TARDE, SALVADOR, SEGUNDA-FEIRA, 15 DE DEZEMBRO DE 1986

HOTEL PROMOVENDO UM CONCURSO DE CARICATURAS

O Hotel Méridien está promovendo o 1º Concurso Nacional de Caricaturas e/ou Charges, com o tema Plano Cruzado. O evento contará com a participação de artistas plásticos de diversos estados do Brasil. Os seus trabalhos serão selecionados por uma comissão formada por artistas especializados na área publicitários e jornalistas.A escolha dos vencedores será feita pelos convidados do Méridien/Bahia durante a festa de réveillon que o hotel realizará no Salão Aratu.
Os trabalhos classificados, além de receber prêmios, ficarão expostos durante a festa, fazendo a parte da decoração do salão.As inscrições para o 1º Concurso Nacional de Caricaturas e/ou Charges foram feitas até o dia 5 último, no Hotel Méridien.

O REGULAMENTO

01.  Os candidatos puderam inscrever-se para o  Concurso de Caricaturas e Charges, alusivo ao tema do Réveillon Uma Noite no País do Cruzado, promovido pelo Hotel Méridien Bahia, até o dia 05 de dezembro de 1986, mediante a entrega do trabalho de caricatura e/ou charge com dimensões de uma folha de papel ofício.
01.01  cada participante só pode concorrer com no máximo 03(três) trabalhos.
02.  Serão premiados os 03(três) primeiros colocados no concurso, cujos prêmios serão os seguintes:
02.01- Ao primeiro colocado: o valor de CZ$50.000,00 (cinqüenta mil cruzados).
02.02- Ao segundo colocado: O valor de CZ$30.000,00 (trinta mil cruzados).
02.03- Ao terceiro colocado: O valor de CZ$15.000,00 (quinze mil cruzados).
03. A seleção dos trabalhos será feita por uma equipe formada por artistas plásticos, publicitários e jornalistas.
04. O hotel comunicará aos autores os trabalhos pré-selecionados.
05. A apuração dos vencedores será feita mediante eleição direta, cujos eleitores serão todos os convidados presentes na festa de Réveillon que o Hotel Méridien Bahia fará realizar no Salão Aratu entre os dias 31 de dezembro de 1986 e 1º de janeiro de 1987, cujo tema será UMA NOITE NO PAÍS DO CRUZADO.
06. Os trabalhos classificados na pré-seleção permanecerão em exibição durante a festa supra aludida, compondo a sua decoração.
07. Os convidados receberão com cardápio as cédulas de votação onde lançarão o trabalho de sua preferência, depositando, depois, em uma inviolável, a sua manifestação de voto.
08. A classificação dos vencedores obedecerá ao critério de número de votos obtidos para cada trabalho e os resultados proclamados no mesmo momento.
09. Os casos omissos, inclusive a hipótese de empate serão decididos pela diretoria do Hotel Meridien Bahia, utilizando de critérios que estabelecer no momento.
10. Os prêmios poderão ser enviados pelo Correio ou depositado em conta bancária a critério do ganhador.
11.Ao inscrever-se o candidato automaticamente e tacitamente autoriza o Hotel Meridien Bahia a utilizar os trabalhos na decoração da referida festa, e não haverá devolução dos mesmos.

    LEILÕES MILIONÁRIOS DE GALERIAS FAMOSAS

Nova |Iorque ( UPI) a tela Criança e Ovelha, do pintor Renascentista Leonardo Da Vinci foi vendida ao preço recorde de 3 milhões e 630 mil dólares, num leilão da Galeria Sotherb’s de Nova Iorque, que também quebrou o recorde de vendas de pinturas de outros artistas famosos, como Rembrandt , Degas e Picasso, num total de 21 milhões e novecentos dólares. No leilão foram vendidas as 46 telas da coleção do criador de cavalos John Gaines  o Estado de Kentucky , quebrando recorde para 29 artistas.
Criança e Ovelha foi adquirida por Adrian Ward-Jackson , um marchand de Londres, que poderia oferece-la a um grande museu.A obra de Picasso Cabeça de Um Homem com um Cachimbo também teve um preço recorde, sendo vendida a 1 milhão seiscentos e cinqüenta mil dólares para um comprador anônimo que realizou o negócio por telefone.Vista de Houtewall , de Rembrandt, foi comprada pelo construtor nova iorquino Ian Woodner , que pagou 957 mil dólares.

A Dança, de Henri Matisse, ( Foto ao lado)
foi arrematada por um outro marchand internacional por 935 mil dólares, e três estudos sobre A Cabeça de Uma Jovem, de Antoine Watteau, foi vendida por 825 dólares a consultora de arte Andrea di Socebran.
O leilão que teve lucro de seis milhões de dólares acima do previsto, numa avaliação preliminar, foi o primeiro de uma série que foi realizado ao longo da semana, na qual superou a arrecadação de cem milhões de dólares, a maior marca de um leilão em série da história.
Os demais leilões, realizados pela Galerias Sotherb’s e Christie’s, incluíram pinturas de mestres clássicos, Impressionistas e Modernos, esculturas, impressões modernas, arte tribal primitiva, móveis e peças de decoração de Alberto e Diego Giacometti .
Centenas de marchands e colecionadores de ambos os lados do Atlântico e do Japão participaram do evento.

LIVRO REGISTRA OS 400 ANOS DOS BENEDITINOS 
EM OLINDA

Como parte das comemorações do IV Centenário da Fundação do Mosteiro de São Bento de Olinda, a Sanbra – Sociedade Algodoeira do Nordeste Brasileiro S.A. patrocinou a edição de um livro de arte sobre a obra dos monges da Ordem de São bento – Beneditinos em Olinda 400 Anos.
Fachada da igreja de São Bento, em Olinda
O Projeto tem texto de Edson Nery da Fonseca, José Antônio Gonçalves de Mello, José Mota Menezes e Pietro Maria Bardi, e de Dom Emanuel Bernardo da Silva e Dom Basílio Penido, ambos da Ordem de São Bento. O segundo atual abade do Mosteiro e presidente da Congregação Beneditina Brasileira.
O volume, de 180 páginas ilustradas com mais de 150 fotos, que ficou a cargo de Mário Espinosa, Manoel Novais e Rômulo Fialdini, mostra a influência dos monges beneditinos na formação da cultura brasileira ao longo de quatro séculos, especialmente na cidade de Olinda.
Segundo Carlos Antich , Diretor Presidente da empresa, a obra pronta correspondeu plenamente a idéia de deixar registrado esta tão significativa influência e marcar a passagem desta data. Especialmente porque, acrescenta Carlos Antich os beneditinos no Brasil atuaram de forma pioneira na educação e em diversas outras atividades culturais criando, em Olinda e em São Paulo, simultaneamente os primeiros Cursos Jurídicos, além de outros como os de Agricultura e Veterinária. Ao lado do valor intrínseco da obra, que passa a compor o conjunto de trabalhos e publicações de caráter cultural, não se pode negar que existe também um fator sentimental que fez a empresa levar adiante este projeto: Em 1919, exatamente no Nordeste do País iniciou suas atividades, incorporando à razão social o nome da região de origem.

LANÇAMENTO DO LIVRO

No dia 27 de novembro as solenidades foram iniciadas com uma missa conventual no Mosteiro de São bento, integralmente cantada em Gregoriano. Em seguida, a diretoria da empresa ofereceu um coquetel a cerca de 500 convidados no Museu de Arte Sacra de Pernambuco , no Alto da Sé, durante o qual se apresentou o Coral de São Bento de Núrcia, composto de 40 jovens estudantes uma grande parte do próprio Colégio de São bento de Olinda, sob a regência do mastro Marcos Júlio.
Na ocasião foi apresentado um audiovisual sobre o livro produzido por George Henri Associados.

DOAÇÃO
Dos 3 mil exemplares impressos 500 foram doados à Cruzada de Ação Social de Pernambuco presidida pela senhora Cléa Krause, cuja venda será revertida em benefício dos trabalhos assistenciais da entidade.
O restante 2.500 serão entregue a bibliotecas, universidades, personalidades ligadas as artes e cultura, clientes e amigos da empresa.
Ao lado imagem do Menino de Jesus  em terracota, obra de frei Agostinho da Piedade, século XVII.