sexta-feira, 14 de agosto de 2015

PINTOR ALMIR BARROS LEMBRADO EM SANTA LUZ



Detalhe do cartaz promocional da mostra de Almir
É sempre gratificante quando vemos artistas do interior do Estado sendo lembrados por pessoas que conviveram com ele ou tiveram informações posteriores sobre suas trajetórias. Agora é a vez do artista da cidade de Santa  Luz , Almir Barros que tem sua obra lembrada e resgatada por iniciativa de Manoelito Neves  e   Maria Amélia Nascimento.
O homenageado completaria 83 anos no dia 31 de agosto próximo já que nasceu em 1932 e esta iniciativa vai deixar para futuras gerações informações e imagens sobre o artista que nasceu e viveu em Santa Luz.
Soldado Romano
É desta forma que a gente preserva a memória das cidades do interior do Estado onde muitas informações e manifestações culturais desaparecem ou estão esquecidas por falta de iniciativas como esta, que acabo de citar. Os organizadores não informaram a data em que faleceu o Almir Barros.

Disseram ainda  os responsáveis pelo evento que Almir Barros começou a pintar nos meados do século XX e, sua arte trazia a marca da cultura onde vivia. Retratava as pessoas e cenas do cotidiano deste pedaço do sertão baiano, inclusive a religiosidade do povo.
Além da exposição será apresentado um vídeo e haverão narrações sobre a história de vida deste artista e a sua importância para os luzenses.
Uma paisagem rural de autoria Almir Barros
Fico contente quando vejo  pessoas interessadas em perpetuar a cultura de sua cidade. Como fui criado no sertão, exatamente em Ribeira do Pombal, tenho uma ligação muito forte com a terra, a caatinga, os animais , a cultura e todas as manifestações culturais deste pedaço  esquecido do nosso país.
A exposição fica aberta ao público de 31 de agosto a 4 de setembro no auditório Lindaura Araújo.